Seja Consciente – Manter a cidade limpa é dever de todos

0 114

A cidade de São Paulo é a capital mais populosa do país, possui 12,33 milhões de habitantes e consequentemente também lidera o ranking das cidades que mais produzem resíduos, aproximadamente 20 mil toneladas por dia, isso mesmo que você leu, 20 mil toneladas por dia e desse total 8 mil toneladas são retirados pelo serviço de varrição.

Mesmo com o serviço de coleta e varrição, a cidade sofre com o lixo descartado irregularmente, lixões a céu aberto, descartes que são realizados por comerciantes, carroceiros, caminhões irregulares que transportam resíduos da construção civil e também moradores locais. Vale lembrar que descartar lixo em local indevido ou fora do horário permitido constitui crime ambiental, além de contribuir na propagação de ratos e outras pragas urbanas, além de ser causador de alagamentos que se agravam em períodos chuvosos.

Descartar resíduos diversos abaixo de 50kg em área pública constitui infração e o autor fica passível de ser sancionado com multa no valor de R$855,00, quando acima de 50kg, a multa passa para R$16.693,28, conforme disposto na Lei nº 13.478/02 Lei de Limpeza Urbana), nos artigos 160 e 161, além de gerar responsabilização penal por ser crime ambiental.

Vale lembrar que é responsabilidade de todos manter a cidade limpa, trata-se de um direito e também um dever, pois é um ato de interesse público. Há aqueles que acreditam que a obrigação é exclusiva da Prefeitura, sob alegação de que pagamos impostos e consequentemente cabe a Administração Pública tomar conta da limpeza. De fato, a Prefeitura tem que zelar pela cidade e realizar serviços de coleta, varrição e manutenção da cidade, em contrapartida cabe o munícipe contribuir com a conservação, inclusive disciplinado em lei.

Zelar pela cidade é simples, são ações poucos onerosas conforme recomendações as recomendações a seguir:

  • Não jogue lixo no chão. Sempre despeje papéis de bala, embalagens, palitos, sacos plásticos, panfletos e similares na lixeira. Se não avistar uma lixeira próxima, mantenha contigo até enontrá-la.
  • Itens volumosos – descarte corretamente em um Ecoponto mais próximo. Móveis, sofás, entulhos, podas de árvores e resíduos recicláveis devem ser destinados aos Ecopontos.
  • Coloque os sacos de lixo no horário correto de coleta.
  • Não contrate carroceiros ou prestadores de serviços que realizam a coleta de grande quantidade de resíduos, mas não garatem que o descarte será realizado em um Ecoponto. Muitos despejam o lixo em qualquer lugar, então fique atento a isso.
  • Não jogue lixo/objetos em canais, rios, córregos, bueiros, terrenos baldios, etc.

Manter a cidade limpa, zelar pela sua cidade contribui na prevenção de alagamentos. Todos os anos em períodos chuvosos há alagamentos em diversos pontos da cidade e muitos deles com desfechos desastrosos. São comuns noticias de famílias que perderam tudo por causa de inundações causadas pela deficiência no sistema de drenagem obstruído pelo lixo.

Até Maio deste ano a Prefeitura retirou mais de 8 toneladas de resíduos das bocas de lobo em toda a capital. Em 2020 de janeiro a dezembro a limpeza contabilizou a retirada de mais de 15 toneladas. Essa é a prova de que através de atitudes e conscientização da população uma parcela dos problemas que sofremos todo ano na capital pode ser reduzida com relevância.

Sabemos que os serviços públicos são precários, mas é executado e cabe os munícipes minimizar as demandas. Boa parte dos desastres ambientais que repetem ano após ano, há parcela de responsabilidade da população. No site da prefeitura possuem informações essenciais, cabe ao munícipe valorizar a obtenção de informações e, principalmente, dispor dos serviços oferecidos pelos Ecopontos. A Prefeitura realiza essa conscientização pelo site, porém precisa ser constante e em vários veículos de comunicação: rádio, televisão, redes sociais, panfletos e placas de notificação.

Jogar lixo ou entulho em locais públicos traz graves riscos para a população e as consequências são desastres ambientais como enchentes, alagamentos, poluição dos rios, emissão de gases tóxicos, acidentes e outros impactos negativos que trazem malefícios ao ser humano, como a proliferação de animais peçonhentos e doenças infectocontagiosas. Zelar pelo espaço público é o dever de todo cidadão, por isso, é de extrema importância a população fazer o descarte correto de lixo e entulho nos Ecopontos, que são locais adequados para receber esses resíduos sem causar nenhum dano ao meio ambiente. Prefeitura de São Paulo

Pontos viciados  é um problema crônico por toda a capital e o centro de São Paulo não é exceção, portanto não é exagero afirmar que os bairros como Campos Elíseos, República, Sé, Bom Retiro depara-se em cada esquina um ponto de descarte irregular de lixo, que não apenas causa mau cheiro, por vezes dificulta a circulação de pedestres, atrai ratos, pombos e obstrui bueiros.

Ponto viciado de Lixo na Rua Solon no Bom Retiro.
Ponto viciado de Lixo na Rua Solon no Bom Retiro.

Conforme exposto na foto acima, a quantidade de lixo é tamanha que é impossível caminhar na calçada. Moradores do bairro reclamam que muitas ruas passam pelo mesmo problema e os pedestres tem que desviar caminhando no leito carroçável, expondo-se ao risco de acidentes. Infelizmente, mesmo com as ações da Subprefeitura da Sé, sem a conscientização da população e a persecução dos infratores, o problema certamente se agravará.

Contribuir para manter a cidade limpa é um exercício da cidadania. A prefeitura tem o dever de zelar pela cidade, mas é importante o munícipe favorecer a conservação e descartar o lixo conforme disciplinado pela Prefeitura. A cidade limpa é manifestação da supremacia do interesse público.

Ao navegar você concorda que use cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência em nosso site. AceitarLeia mais